Nota

Acessos: 1676
“A Associação dos Juízes Federais de Minas Gerais repudia veementemente as manifestações do presidente do Clube Atlético Mineiro, Alexandre Kalil que, de forma desrespeitosa, impertinente e agressiva, inclusive utilizando de linguagem inapropriada e de baixo calão, ofendeu a honra do Juiz Titular da 26ª Vara Federal de Belo Horizonte, Dr. André Gonçalves de Oliveira Salce, a propósito de criticar decisão tomada por S. Exa. ao determinar o arresto da renda do Clube Atlético Mineiro, para garantia de dívida.
A medida foi tomada no exercício da competência legal do magistrado, no cumprimento de seu dever funcional, e eventual discordância deve ser manifestada em termos apropriados e por meio dos recursos previstos em lei, não sendo cabível qualquer medida de índole disciplinar contra o juiz. O respeito à atividade jurisdicional desempenhada pelos Juízes é um imperativo de civilidade e a garantia de um Poder Judiciário forte, que possa assegurar a todos o direito ao convívio em uma sociedade democrática e pacífica.”

Obs.: esta nota foi aprovada por maioria, não tendo sido subscrita pelo secretario geral da AJUFEMG, Dr. Lincoln Pinheiro Costa.
Imprimir